Papa Francisco saúda casal gay por batizar filhos

Um assessor do papa Francisco cumprimentou em nome do pontífice um casal homossexual de Curitiba, no Brasil, pelo batismo católico dos três filhos adotivos, segundo uma carta enviada pelo Vaticano e publicada esta segunda-feira por um dos pais.
créditos: Facebook Toni Reis

"O papa Francisco deseja-lhes felicidades, invocando para a sua família a abundância das graças divinas, a fim de viverem constante e fielmente a condição de cristãos", diz a carta endereçada a Toni Reis pelo monsenhor Paolo Borgia, assessor da Secretaria de Estado do Vaticano.

Segundo o brasileiro Toni Reis, que publicou uma foto da carta na sua conta de Facebook, ele e o marido, David, enviaram em abril uma carta ao pontífice a dar conta do batismo dos três filhos, Alyson, Jéssica e Filipe, numa igreja católica de Curitiba.

"Não esperávamos uma resposta. Receber uma carta do Vaticano com selo e fotografia autografada pelo papa é uma glória!", disse Toni Reis em entrevista por telefone à agência de notícias France Presse.

A carta tem a data de 10 de julho, mas a família só a pôde ler na sexta-feira, quando regressou de uma viagem pela Europa. "Significa um grande avanço numa instituição que queimava os gays durante a inquisição. Estou muito feliz", acrescentou o pai de família.

Toni Reis, de 53 anos, e o inglês David Harrad, de 59, estão juntos há 27 anos. Oficializaram a sua união em 2011, quando o Supremo Tribunal Federal (STF) reconheceu a "união estável" para casais do mesmo sexo, o que na prática equiparou os seus direitos aos dos casais heterossexuais, outorgando-lhes acesso ao casamento, adoção, herança e pensão por morte do cônjuge.

Em 2012, o casal adotou Allyson, um rapaz de 16 anos e, em 2014, os irmãos Jéssica (14) e Filipe (11).

Em 2016, o papa Francisco disse que, segundo o catecismo, os homossexuais "não devem ser discriminados, mas respeitados e acompanhados no plano pastoral", repetindo uma fórmula utilizada durante o primeiro ano do pontificado, quando afirmou: "Se alguém é gay e busca o Senhor com sinceridade, quem sou eu para julgá-lo?"

Veja ainda: As imagens de um casamento gay que é um autêntico conto de fadas

artigo do parceiro: Nuno Noronha

Comentários