Mais 1.391 crianças receberam abono de família em junho

Os dados do Instituto da Segurança Social (ISS), divulgados na quarta-feira, indicam um ligeiro aumento de 0,1% no número de beneficiários do abono de família face a maio

O abono de família foi atribuído a 1.169.146 crianças e jovens em junho, mais 1.391 beneficiários do que em maio, mantendo a tendência de aumento verificada desde janeiro, segundo dados da Segurança Social.

Os dados do Instituto da Segurança Social (ISS), divulgados na quarta-feira, indicam um ligeiro aumento de 0,1% no número de beneficiários do abono de família face a maio, mês em que foi atribuído a 1.167.755 crianças e jovens.

Contudo, face ao mês homólogo do ano passado, em que foram registados 1.207.426 beneficiários, 38.280 crianças e jovens perderam o direito a esta prestação social em junho (3,2%).

Lisboa é a região do país com o maior número de abonos de família atribuídos (232.850), seguindo-se o Porto (225.352) e Braga (109.526), segundo os dados do ISS, atualizados a 01 de julho.

O montante do abono de família a atribuir é calculado em função da idade da criança ou jovem, da composição do agregado familiar e do nível de rendimentos de referência do agregado familiar.

O valor apurado insere-se em escalões de rendimentos estabelecidos com base no Indexante dos Apoios Sociais (IAS).

Por Lusa 

artigo do parceiro: Nuno Noronha

Comentários