Dia Europeu do Melanoma alerta para prevenção

Em Portugal são diagnosticados 10 mil novos casos de cancro na pele por ano, dos quais 700 são malignos

Em Portugal surgem, anualmente, cerca de 700 novos casos de melanoma maligno, um tipo de cancro que atinge o tecido epitelial, mais especificamente a pele.
A sua probabilidade de crescimento aumenta coma idade e pode ocorrer em qualquer superfície da pele.
Muito embora a taxa de mortalidade tendo como causa este tipo de cancro tenha diminuído, a verdade é que as consultas para dermatologistas não são tão acessíveis assim.
Fernando Ribas dos Santos, director da Liga Portuguesa Contra o Cancro, vice-presidente da Associação Portuguesa de Cancro Cutâneo e dirigente do Colégio da Especialidade de Dermatologia da Ordem dos Médicos referir em declarações ao jornal Público que “nos serviços oficiais, conseguir uma consulta de dermatologia é muito difícil. Nos hospitais regionais há uma grande dificuldade de resposta”.
Ao todo são 10 mil novos casos de cancro de pele por ano e muitos deles estão relacionados com os escaldões, pelo que a melhor forma de o prevenir é evitar a exposição solar entre as 12 horas e as 15, podendo ser o horário alargado para entre as 11 e as 16 horas.
13 de Maio de 2011 .

Comentários