Alunos de Cascais aprendem a prevenir dores nas costas

Estudo revela que 7 em cada dez sofrem de dores nas costas, pelo que a prevenção é o melhor remédio

Saber arrumar as mochilas, aprender a estar sentado na sala de aula ou em frente do computador e quais as melhores posturas ao longo das fases de crescimento são algumas das informações que os estudantes da Escola E.B. 2,3 Prof. António Pereira Coutinho, em Cascais, vão receber no dia 19 de Janeiro, entre as 8h20 e as 12 horas.
Numa iniciativa inédita de sensibilização, inserida na campanha Olhe pelas suas Costas, os jovens das turmas do 5º ao 7º ano vão receber a visita de um especialista, que lhes explicará como podem prevenir dores nas costas.
De acordo com Paulo Pereira, coordenador nacional da Campanha Olhe pelas Suas Costas:“Os pais e professores devem estar atentos porque a escoliose geralmente não dá sintomas e por isso pode passar despercebida. Na maioria dos casos, a doença é diagnosticada num raio X do tórax solicitado por outras razões ou porque os pais ou professores notam uma assimetria nos ombros, na cintura ou nas costas da criança”.
Segundo estudo recente sete em cada 10 pessoas sofrem de dores nas costas, ou seja, 72,4 por cento da população portuguesa, no entanto, quase metade dos portugueses admite que nunca ouviu falar de doenças relacionadas com dores nas costas.
17 de Janeiro de 2011

Comentários