95% dos adolescentes já viveram a violência

Estudo revela que a do tipo emocional é a mais frequente acontecer

Segundo o estudo "Violência, Género e Adolescência", realizado pelo Centro de Investigação e Estudos de Sociologia do Instituto Superior de Ciências do Trabalho e da Empresa (ISCTE) e apoiado pela Câmara de Cascais, mais de 95 por cento dos adolescentes estiveram envolvidos em, pelo menos, uma situação de violência, como vítimas ou agressores, nos primeiros quatro meses de 2010.
Ao todo foram inquiridos 501 alunos de 12 escolas do concelho de Cascais, correspondendo a 36 por cento da população inscrita no ensino público.
Sobre o tipo de violência em si, a que mais ocorre é a do tipo emocional e de exclusão social e a nível do género, o estudo revela que as raparigas aparecem maioritariamente como agressoras nos diversos tipos de violência.
Pode ler-se ainda no comunicado "Quando as situações se dão no âmbito do namoro, as adolescentes aparecem maioritariamente como agressoras nos diversos tipos de violência e também como vítimas, nomeadamente de violência emocional e de exclusão social, ainda que os adolescentes apresentem um ligeiro ascendente no que respeita à vitimação física de gravidade média".
28 de Janeiro de 2011

Comentários