20 mil embriões congelados, 32 doados em 2013

Perto de 20 mil embriões estavam, no final de 2013, congelados e a aguardar um destino, 32 foram, nesse ano, doados a outros casais e nenhum encaminhado para fins de investigação, segundo dados do Conselho Nacional de Procriação Medicamente Assistida.
créditos: ARANDA E SILVA / LUSA

O maior número de embriões excedentários (8.893) resultou de tratamentos com microinjecção intracitoplasmática (ICSI) intraconjugais, seguindo-se os oriundos de ciclos de Fertilização In Vitro (FIV), que totalizaram 5.845.

No mesmo período, foram criopreservados 3.239 embriões, resultantes de tratamentos de ICSI com ovócitos de dadora e 660 no âmbito de ciclos de FIV com ovócitos de dadora.

Os embriões criopreservados no âmbito de ciclos de FIV com espermatozoides de dador ascenderam a 496 e 273 resultaram de ciclos de ICSI com espermatozoides de dador.

No total, encontram-se crioconservados 19.406 embriões, contabilizados entre 2009 e 2013.

Segundo o CNPMA, em 2013 foram doados 32 embriões a outros casais (135 entre 2009 e 2013) e 398 foram descongelados e eliminados (1.491 entre 2009 e 2013).

Em 2012, último ano com os dados compilados pelo CNPMA, nasceram 2.134 crianças com recurso a técnicas de Procriação Medicamente Assistida.

artigo do parceiro: Nuno Noronha

Comentários