Sabia que os pulmões são os últimos órgãos a desenvolverem-se?

Conheça este e outros factos curiosos sobre a aventura de ser mãe pela primeira vez.

Ser mãe pela primeira vez é um percurso recheado de novas descobertas. Aqui ficam alguns factos curiosos sobre a gravidez, bebés e crianças.

 

• Durante a gravidez, o útero pode expandir-se até cinco vezes o seu tamanho. Após a gravidez, demora entre seis e oito semanas a voltar ao tamanho normal.

• Os pés de uma grávida podem aumentar até dois tamanhos de sapato. Tal não significa que os ossos cresçam, mas sim um aumento de volume.

• A gravidez afeta o padrão de crescimento do cabelo. Durante a gravidez, a futura mãe costuma ter uma cabeleira farta e brilhante e após o parto tem tendência para uma queda acentuada dos fios. O padrão de crescimento do cabelo regressa ao normal seis meses após o parto.

• Os bebés brincam com o cordão umbilical no útero. Também chucham no dedo, choram e sonham.

• A primeira gravidez tende a ser mais longa do que as gravidezes seguintes.

• A maioria das mulheres brilha durante a gravidez. Tal é devido ao aumento da quantidade de sangue em circulação no corpo da futura mãe, bem como à atividade das hormonas.

• A hiperpigmentação – coloração excessiva da pele – ocorre em 90% das grávidas.

• As mulheres muito altas têm uma probabilidade maior de conceber gémeos.

• Do peso médio ganho durante a gravidez, apenas 38% é o peso do bebé. O resto é constituído pela placenta, pelos fluídos, pelo sangue, pelos seios e pelo útero.

• As células nervosas, ou neurónios, são produzidos no feto à velocidade de 25 mil por minuto.

• Os pulmões são os últimos órgãos a desenvolverem-se no bebé.

• A gravidez aumenta a temperatura corporal da futura mãe, elevando o risco de desidratação.

• Um em cada dois mil bebés nasce com um dente.

• O feto desenvolve impressões digitais aos três meses de gestação.

• Todos os seres humanos passaram uma hora como uma única célula.

• Menos de 10% dos bebés nascem na data prevista para o parto. 50% nascem durante a semana da data prevista para o parto e 90% dos bebés nascem nas duas semanas mais próximas da data prevista para o parto.

• Um bebé não consegue sentir o sal até aos 4 meses de idade. Poderá estar relacionado com o desenvolvimento dos rins, que começam a processar sódio perto desta idade.

• Os recém-nascidos apresentam uma tendência maior para virarem a cabeça para a direita do que para a esquerda.

• Em todo o mundo, nasce um bebé a cada sete segundos.

• Os bebés nascidos em maio costumam pesar mais 200 gramas do que os bebés nascidos nos outros meses do ano.

• Em média, uma criança de quatro anos faz 437 perguntas por dia.

 

 

Maria João Pratt

artigo do parceiro:

Comentários