Os desejos na gravidez: mito ou verdade?

É um mito que os desejos na gravidez estejam relacionados com a carência de nutrientes no organismo da futura mãe e do feto. Pelo menos não existem estudos a comprovar esta ideia.

Helena Real, da Associação Portuguesa dos Nutricionistas, justifica os desejos como sendo “sensações psicológicas na grávida” e que, em diversos casos, poderá conduzir a desequilíbrios alimentares graves. 

“A mulher deve procurar não ceder a estes impulsos, recorrendo a estratégias compensatórias que possam favoreçam a sua saúde”, recomenda a nutricionista, por exemplo, realizar exercício físico ou caminhar, já que são medidas eficazes no aumento do bem-estar e na diminuição da ansiedade.

.

Comentários