Está grávida? Garanta o seu bem estar e o do seu bebé

A gravidez é sem dúvida um momento único na vida de uma mulher. Não só porque a responsabilidade aumenta ao colocar no mundo uma criança, mas também porque exige cuidados especiais com a sua saúde e o bem estar do seu bebé.

O corpo passará por muitas transformações e durante 9 meses a mãe será a única fonte de nutrientes para o bebé. Tudo o que absorver, desde a alimentação à luz solar, passando pelas emoções, passará para a criança. Este é o momento de reavaliar hábitos e atitudes. Alimentação saudável, prática moderada de exercícios físicos, acompanhamento pré-natal e descanso são as principais orientações dos especialistas. Mas há mais! Informe-se e previna-se sobre pequenas questões que podem fazer a diferença no dia-a-dia e no futuro.

Cuidados antecipados

O ideal é estar atenta aos sinais do corpo antes mesmo de engravidar. Faça um exame ginecológico completo e preventivo, verifique se a vacinação está em dia, faça análises e trate possíveis infeções vaginais. Ao nível da higiene íntima feminina é aconselhado o uso de um gel íntimo que proporcione ao organismo mais vulnerável das grávidas o equilíbrio e a proteção da flora vaginal natural, essencial para minimizar o crescimento de bactérias patogénicas responsáveis pelo aparecimento e infeções indesejáveis. Conheça AQUI o vencedor do Prémio Cinco Estrelas 2016 em Higiene Íntima Feminina.

Tenha atenção às suas pernas

É comum durante a gravidez formarem-se varizes. O risco de trombose também aumenta, não só durante a gravidez, mas até 6 semanas depois do parto, em especial depois de cesarianas ou de grandes perdas de sangue. Mesmo se nunca teve insuficiência venosa, a sobrecarga e o peso da gravidez pode trazer complicações. As pernas incham e formam-se as chamadas varizes de grávida, que podem ou não desaparecer depois do parto.

A utilização de collants de compressão pode evitar estas complicações, principalmente a partir do terceiro mês de gravidez e até 2 meses depois do parto, ou mesmo até ao final do período de amamentação. Para maior conforto opte por collants de compressão com tecido em algodão entre as pernas e sustentação anatómica na zona da barriga. Para saber mais sobre a marca de collants de compressão distinguida pelas mulheres portuguesas como realmente Cinco Estrelas, clique AQUI.

Pele perfeita e hidratada para a mãe e para o bebé

A pele é o maior órgão do corpo humano, e aquele que primeiro sofre as agressões do exterior, como o frio, o vento, o calor e produtos químicos que utilizamos no nosso dia a dia. Mas durante a gravidez, há outros fatores que obrigam a um cuidado extra. A pele da mãe é obrigada a esticar e a esgaçar de forma rápida, o que com muita frequência provoca o aparecimento de estrias, principalmente na região abdominal, mas também no peito, fundo das costas e nádegas.

Como prevenção, mantenha a pele hidratada com creme gordo, principalmente nas zonas que ganham maior volume. Para maior conforto, opte por um creme gordo de textura cremosa. 2 a 3 vezes por dia será o ideal para notar a sua pele mais suave e hidratada.

Mas não só a mãe precisa de atenção especial. Quando nasce, a pele do bebé é mais sensível e por isso precisa de cuidados para garantir os níveis de hidratação adequados e reforçar a camada protetora da pele. Para uma melhor proteção e efeito barreira   utilize um creme apropriado como a pasta de lassar, que acalma a vermelhidão e a comichão, previne assaduras e aumenta a capacidade de regeneração. Se o rabinho do seu bebé apresentar vermelhidão, para evitar eritema e assadura, utilize uma suspensão de óxido de zinco com ação calmante, cicatrizante, suavizante, com textura agradável e fácil de espalhar. Ao nível da proteção da pele, poderá saber mais sobre a marca Cinco Estrelas AQUI.

Criopreservação: para garantir o futuro

Hoje em dia cada vez mais casais optam pela criopreservação das células estaminais do cordão umbilical, pois em caso de necessidade no futuro terão a garantia de compatibilidade.

O processo de recolha das células é indolor tanto para o bebé como para a mãe e a conservação é assegurada durante 25 anos para tratamento de inúmeras doenças que de outra forma não teriam cura. Informe-se e opte pelo método de criopreservação mais avançado, com laboratório próprio em Portugal e com uma equipa de cientistas experiente e dedicada. Para a ajudar nesta tarefa tem à sua disposição o laboratório de Criopreservação vencedor do Prémio Cinco Estrelas 2016.

artigo do parceiro:

Comentários