Como atuar na fase latente do parto

Saiba mais sobre a etapa mais longa do trabalho de parto. A fase latente corresponde ao período que compreende o apagamento do colo do útero e a fase inicial de dilatação. Num primeiro parto, pode durar, em média, oito a 12 horas.

Segundo Antónia Prates, Enfermeira em Saúde Materna e Obstetrícia, a fase latente do parto:

- É o período que compreende o apagamento do colo do útero e a fase inicial de dilatação. É a etapa mais longa do trabalho de parto. Num primeiro parto, pode durar, em média, oito a 12 horas.

- As contrações são irregulares, de fraca intensidade e pouco duradouras.

- O formato do útero faz lembrar uma pera ao contrário. Por ação das contrações, o pé da pera começa a “apagar” (termo técnico), até desaparecer completamente. É assim que se dá o apagamento do colo do útero. À medida que a dilatação evolui, a forma uterina assemelha‑se à de uma laranja.

Sugestões para os pais:

- A mãe não deve ficar “parada” à espera das contrações. O casal deve sair de casa e escolher um espaço confortável e prazeroso para passear (jardim, praia). O pai deve incentivar a mãe a andar, sentar-se, levantar-se, fazer agachamentos. Estas posições são facilitadoras da descida do bebé.

- A preparação para o parto durante a gravidez é essencial. O trabalho de parto exige, da mãe, um autoconhecimento para compreender as mensagens que o seu corpo transmite, contribuindo para que participe ativamente no nascimento do seu bebé.

Texto: Ana Margarida Marques

Siga este e outros temas sobre gravidez no Facebook A Nossa Gravidez.

artigo do parceiro:

Comentários