5 coisas a considerar quando comprar um pijama para o seu filho

No momento de adquirir um novo, escolha o que melhor protege a pele dos mais pequenos. Saiba quais são os fatores que deve ter sempre em linha de conta antes de avançar.

A pele sensível das crianças requer cuidados extra e nem todos os tecidos se adequam à epiderme dos mais pequenos. Ao adquirir pijamas para o seu filho, tenha uma série de fatores em conta. No caso dos bebés, as precauções devem ser acrescidas. Os tecidos naturais, que permitem à pele respirar melhor, devem figurar sempre no topo da lista.

No caso de pretender oferecer um pijama a uma criança, tenha também os seguintes fatores em conta.

1. Tenha atenção aos pijamas estampados, sobretudo com desenhos plastificados. Muitas vezes os produtos químicos usados na impressão podem causar problemas cutâneos.

2. Verifique se as peças de roupa têm a etiqueta Öko-Tex ou o rótulo ecológico europeu. Segundo a Deco, associação portuguesa de defesa do consumidor, estes dois símbolos ecológicos garantem a ausência de substâncias nocivas no vestuário.

3. Tenha em atenção a epiderme da criança. Se o seu filho tiver uma pele atópica, «essa situação obriga a cuidados específicos e ao uso de pijamas 100 por cento de algodão», aconselhou já publicamente Manuela Cochito, dematologista.

4. Evite sobreaquecer as crianças pequenas enquanto dormem, «devido à dificuldade de regulação térmica por imaturidade da sua pele, que pode causar hipo ou hipertermias durante o sono», alerta ainda esta dermatologista.

5. Se a criança tende a transpirar muito durante a noite, é desaconselhada a compra de pijamas em tecidos sintéticos.

artigo do parceiro:

Comentários