Felicidade e desempenho escolar

Um influencia (mesmo) o outro?

Será que uma criança mais feliz aprende mesmo melhor do que uma mais triste? Embora os estudos demonstrem que a boa disposição seja fundamental para o sucesso escolar ao nível do desempenho de atividades criativas, uma investigação da Universidade da Virgínia e da Universidade de Plymouth revela que as crianças felizes não estão tão atentas aos detalhes como as tristes. 


Porquê? Pois segundo os investigadores, «a tristeza indica que algo está errado, acionando um processo analítico e orientado para os detalhes». Para que o seu filho possa ser uma criança mais feliz e melhor sucedida na sua aprendizagem, existe um papel fundamental que cabe aos pais desempenhar.

 

Damos-lhe, por isso, alguns conselhos que vão ajudar o seu filho a ser um aluno ainda melhor:

 

- Entrar na escola com o pé direito

- Estratégias para a escola
- Regresso às aulas 

- Ler é uma brincadeira

 

artigo do parceiro:

Comentários