Dicas de segurança para a mochila no regresso à escola

Não é apenas uma questão de quanto peso a criança carrega, mas também como é distribuído.

Com o aproximar do início de um novo ano letivo, os pais precisam pensar no conforto e na segurança das mochilas dos filhos, aconselham os especialistas.

 

«As mochilas são desenhadas para distribuírem o peso da carga por alguns dos músculos mais fortes do corpo», afirma, em comunicado, Michael Wade Shrader, cirurgião ortopédico e porta-voz da Academia Americana de Cirurgiões Ortopédicos (AAOS). «Mas, quando usada de forma incorreta, podem ocorrer lesões como entorses e problemas de postura», diz. «Apesar de algumas dessas lesões serem pouco graves, outras podem ter um efeito duradouro sobre as crianças e segui-las até à idade adulta.»

 

As crianças não devem carregar mais de 15 a 20 por cento do seu peso corporal. Devem usar as duas alças das mochilas e ajustar as correias para manter a carga junto às costas, recomendam tanto a AAOS como a Sociedade Norte-Americana de Ortopedia Pediátrica (POSNA).

 

OUTRAS DICAS

Para levantar as mochilas, dobre os joelhos.

Remova ou reorganize os itens, se a mochila estiver muito pesada.

Quando estiver a arrumar a mochila, coloque os objetos mais pesados no fundo e em direção ao centro.

Coloque na mochila apenas os objetos necessários para o dia de escola.

Compre uma mochila adequada ao tamanho da criança.

Os pais devem incentivar os filhos a alertá-los para a dormência ou formigueiro nos braços ou nas pernas, o que pode indicar que a mochila não está bem ajustada ou que a criança está a carregar demasiado peso.

Veja o seu filho a pôr e a tirar a mochila das costas para verificar se há alguma dificuldade.

Se a mochila parecer muito pesada, faça a criança remover alguns dos livros e a levá-los nos braços para aliviar a carga nas costas.

As crianças devem ser incentivadas a deixar os livros mais pesados no cacifo, durante o dia.

 

 

Maria João Pratt

artigo do parceiro:

Comentários