Cancro Pediátrico: Sinais e Sintomas

Os sintomas e sinais da doença variam em função do tipo de tumor. É importante que os pais estejam atentos às queixas das crianças (que são a pista mais importante para descobrir a doença), aos sinais a ela associados, ao período temporal desde a manifestação dos sintomas e à forma como eles afectam a vida normal da criança

Muitos sinais e sintomas do cancro assemelham-se aos de doenças comuns na infância, motivo pelo qual se torna fundamental que os pais estejam vigilantes em relação às mudanças que surgem no corpo e no comportamento das crianças.

Dores ósseas ou musculares, tosse contínua, febre, palidez, dor de cabeça, vómitos, infecções constantes, sangramentos recorrentes, fadiga, emagrecimento sem causa, inchaços na face e no pescoço, aparecimento de nódulos no corpo, dificuldades de locomoção e desenvolvimento de massa palpável no abdómen são alguns sintomas que podem fazer suspeitar de doença oncológica.

Existem determinados sinais e sintomas que estão associados especificamente a alguns tipos de cancro, nomeadamente, febre recorrente acompanhada por dores nos ossos, facilidade em ter infecções, palidez e hemorragias podem fazer suspeitar de leucemia.

Conteúdo retirado do portal PIPOP (www.pipop.info), um projecto da Fundação Rui Osório de Castro (www.froc.pt)

artigo do parceiro:

Comentários