As regras do babysitting

O que deve ter em conta antes de recrutar alguém para tomar conta dos seus filhos

Chega a uma determinada altura em que os pais, por razões profissionais ou para conseguirem algum tempo a dois enquanto casal, necessitam de recorrer a um profissional que se ocupe das crianças durante algumas horas.

 

Se está a pensar requisitar o serviço de uma babysitter, siga as recomendações da American Academy of Pediatrics.

Os seus deveres:

1. Conhecer a babysitter e verificar as suas recomendações antecipadamente.

2. Ter a certeza que a babysitter tem formação em primeiros socorros e sabe realizar uma reanimação cardiorespiratória.

3. Assegurar-se de que a babysitter tem maturidade suficiente para lidar com situações de emergência comuns.

4. Passar algum tempo com a babysitter para que esta estabeleça um primeiro contacto com a criança e aprenda as rotinas familiares.

5. Mostrar a casa, identificando áreas potencialmente perigosas.

6. Instruir a babysitter para sair de casa imediatamente caso haja um incêndio e chamar os bombeiros com a ajuda de um vizinho.

7. Dar indicações sobre alimentação, banho e horas de sono da criança.

8. Informar a babysitter sobre eventuais alergias ou necessidades especiais da criança.

9. Ter mantimentos de emergência de reserva incluindo uma lanterna, um documento com procedimentos de emergência e um estojo de primeiros socorros.

10. Informar a babysitter sobre o local onde irá estar e quando voltará.

Comentários