Não há soluções mágicas para pôr o bebé a dormir. Mas há este livro que pode dar uma ajuda

A propósito do lançamento do livro "Socorro! O meu bebé não dorme" falamos com a autora, Clementina Almeida, que nos desvendou alguns segredos do sono dos bebés e ainda deixou cinco dicas para os pais lidarem com esta que é uma das principais preocupações desde a primeira hora de vida dos filhos.

Uma das principais preocupações dos pais desde a primeira hora de vida dos bebés é o sono. Será que ele vai dormir bem? O que é que eu faço se ele não dormir?

Clementina Almeida, psicóloga clínica especialista em bebés, acaba de lançar o livro "Socorro! O meu bebé não dorme" (Porto Editora), uma obra onde, segundo a autora, "encontrará ferramentas para compreender melhor o seu bebé e a forma como ele dorme, respeitando-o enquanto ser humano".

Mais do que um manual que promete uma solução única e milagrosa para todos, este livro esclarece mitos (como “os bebés conseguem dormir a noite toda” ou “os bebés são capazes de se acalmarem sozinhos”), e apresenta evidência científica para encontrar a melhor estratégia para ajudar pais e bebés, sugerindo dicas úteis e práticas aplicáveis na rotina diária na hora de dormir.

A autora esteve à conversa com o SAPO Lifestyle e deu algumas recomendações, explicações e dicas para os pais relativamente ao tema do sono dos bebés.

clementina almeida
Clementina Almeida, psicóloga clínica e autora do livro "Socorro! O meu bebé não dorme" créditos: @Clementina Almeida

Todos sabemos que não existem soluções milagrosas para pôr o bebé a dormir a noite toda. O que devem, então, os pais fazer, em primeiro lugar, quando o seu bebé tem dificuldades em adormecer? Segundo Clementina Almeida "devem tentar “ler” os seus sinais: se o bebé não consegue dormir por fome, desconforto, angústia ou só mesmo porque está a passar um pico de desenvolvimento.

Por outro lado, há também aqueles bebés que só adormecem ao colo e quando os colocamos no berço, despertam e desatam a chorar. Nesta situações, a psicóloga clínica recomenda “esperar” até que o bebé entre em sono profundo (em média cerca de 20-30 min depois de adormecer), antes de o colocar no berço".

Este quadro é não só um stress emocional para os bebés, como também para os pais. Como podem estes manter "a sanidade mental" durante esta fase? "Ajustando as suas expectativas ao compreender o sono dos bebés e como ele é bem diferente do dos adultos – e também com algum humor, já que 15 minutos de riso equivalem a duas horas de sono. E, igualmente importante, a não se sentirem culpabilizados por seguirem os seus instintos", explica a autora.

E acrescenta: "Os bebés estão numa fase de desenvolvimento cerebral intensa e que não se repetirá em mais nenhum período da vida, por isso estão “tão ocupados” de dia e de noite. De dia a coletar dados acerca da realidade e das pessoas; à noite a consolidar essas aprendizagens".

A seguir, Dicas para pôr o bebé a dormir.

Comentários