Happy Song: A canção criada cientificamente para fazer o bebé feliz

A compositora britânica Imogen Heap, em conjunto com a agência de publicidade BETC, psicólogos da Universidade Goldsmiths e milhares de pais britânicos criou uma canção que torna os bebés mais felizes e provoca-lhes o riso. O resultado chama-se "Happy Song".

Vários psicólogos de renome mundial participaram no projeto de criar uma canção que deixasse os bebés felizes e que os fizesse rir. Depois de uma semana experimental, onde foram convidadas várias famílias britânicas e os seus bebés, eis as conclusões a que chegaram os especialistas.

Em primeiro lugar, quando se trata de ritmo, oe bebés gostam mesmo de "mexer" o corpo. Ao ouvirem música ritmada forte, como as obras clássicas de Mozart, os bebés movem-se de acordo com a batida, geralmente com um sorriso associado.

Também descobriram que o cérebro do bebé reage muito positivamente a padrões e repetição. E como a sua memória é mais curta do que a de um adulto, uma melodia repetitiva não se torna aborrecida para um bebé. Ao mesmo tempo, o elemento surpresa é algo a que também respondem bem. Uma pausa silenciosa, seguida de uma mudança de tempo ou um efeito inesperado na voz são elementos que captam a atenção dos mais pequenos e os mantém atentos.

Quanto maior o tom de um som, mais alegres os bebés ficam. Melodias enérgicas, bater de palmas, ruídos de animais e riso são elementos que fazem com que os bebés se envolvam na música.

No final deste período experimental e com base nas suas conclusões, a compositora Imogen Heap criou a "Happy Song". Experimente com o seu bebé, clicando aqui para ouvir a música.

artigo do parceiro: Susana Krauss

Comentários