Encoraje as brincadeiras e ensine limites

Brincar ajuda o seu filho a controlar os seus impulsos agressivos. Saiba também que deve ter em si a capacidade de impor limites e ao mesmo tempo de ser tolerante.

A primeira infância é um período crítico para aprender a controlar comportamentos agressivos. Brincar com os filhos e encorajar o brincar pode ajudar a desenvolver capacidades que ajudam a criança a controlar os seus impulsos agressivos e a responder mais adequadamente às reações dos pares na interação.

Por outro lado, a interdição é uma estrutura afetiva, de que as crianças necessitam para desenvolver um “envelope sensorial harmonioso” para aceder à autonomia e não se portarem como “tiranos domésticos”.

Outro entendimento defendido por diversos autores é que espera-se que os pais tenham em si a capacidade de saber frustrar, pôr limites e ser tolerante, ao mesmo tempo.

Em caso de dúvidas, os pais devem solicitar a orientação e o aconselhamento do médico assistente da criança.


Texto de Teresa Abreu Com edição de Ana Margarida Marques
Autores consultados Winnicott, Pediatra e Psicanalista; Alicia Fernandez, Psicopedagoga; T. B. Brazelton, Pediatra ; Joshua Sparrow, Pediatra

Também poderá gostar de ler:

Brincar ajuda a pensar

Siga este e outros temas sobre educação, saúde e cuidados ao bebé no nosso Facebook. 

artigo do parceiro:

Comentários