10 conselhos para o regresso a casa com o bebé

Depois de o bebé ter alta do hospital, está na altura de voltar para casa e é aqui que começa uma autêntica revolução. Siga os nossos conselhos e descubra como deve agir quando sair da maternidade.

Apesar de ser um período difícil e intenso,é sem dúvida muito mais maravilhoso e para que não perca nenhum destes momentos, vamos dar-lhe 10 conselhos para aproveitar da melhor maneira todos os minutos com o seu pequenino.

  1. Mudanças de humor

O fato de agarrar pela primeira vez o seu bebé é sem dúvida uma sensação avassaladora e por isso é normal que existam muitos sentimentos de alegria, medos e também imensas hormonas em ação. É então normal, que possa sofrer alterações de humor, que podem passar por momentos de tristeza, ansiedade ou irratibilidade, a estas alterações são chamadas "baby-blues". São caracterizadas pela mudança brusca das hormonas no seu interior e podem acontecer entre dois a cinco dias após o parto. Estudos indicam que 80 por cento das mulheres que passam por esta situação, não se encontram ligadas à depressão pós-parto, apenas podeser considerado esse fator se continuar assim por várias semanas, se não é perfeitamente normal que sinta um turbilhão de emoções.
  1. Use couve no sutien

Quando o bebé nasce, os seus seios começam logo a produzir o colostro que vai servir para amamentá-lo durante os dois primeiros dias. Este é composto por um líquido amarelado e grosso que contém os nutrientes de que o bebé precisa nesta primeira fase da sua vida. Passados estes dois dias surge então o leite no seu estado normal e este surgimento pode ser um pouco incómodo para a mãe e por isso é normal que só se sinta mais confortável quando estiver a dar de mamar. No tempo em que não der de mamar pode aliviar a tensão, utilizando compressas humedecidas em água quente ou, por outro lado, tomar um duche com água morna e aproveitar para "pentear" o peito com os dedos no sentido do braço para o mamilo, isso vai fazer com que o leite comece a fluir. Tirando estas duas opções, tem ainda várias, como comprar discos de gel que são próprios para usar tanto para fazer frio como para fazer calor. O frio faz com que a tensão acalme e ajuda a reduzir o inchaço, proporcionando uma sensação de alívio, no caso do quente, este faz com que o leite saia, e ajuda o peito a ficar mais mole e menos dorido. Neste caso pode usar o que preferir e o que a fizer sentir-se melhor. Outro dos truques que pode achar estranho mas que resulta é o uso de folhas de couve dentro do sutien. Deve colocá-las no frio antes de as utilizar, e ao serem colocadas no sutiã, adaptam-se perfeitamente à forma do peito e ajudam a refrescar. Lembre-se ainda que esta fase pode durar poucos dias, até porque depois a produção do leite começa a regularizar-se e volta tudo a ficar mais calmo.
  1. Não tenha horários na amamentação

Para que e amamentação decorra sem nenhum tipo de problemas é necessário que a aderência do bebé ao peito seja boa, assim na hora em que tiver de dar de mamar não precisa de ter horários. Esqueça quem disse que se deve dar de mamar de tres em tres horas, isso já se encontra superado, até porque dentro da sua barriga o bebé comia só quando lhe apetecia, demorando o tempo que fosse preciso, por isso não queira que agora ele consigo respeitar o horário que lhe quer impor. Por isso sempre que o seu bebé chorar, experimente dar-lhe de mamar, não só porque ele precisa de se alimentar mas também é uma maneira de ele se sentir mais confortável e em contato consigo, até porque, o fato de sentir-se bem e tranquila faz com que seja produzida mais ocitocina, que é denominada de hormona do amor. Se por alguma razão achar que a amamentação não está a correr da maneira esperada, procure ajuda.

Comentários