Quando o nosso maior privilégio saiu de dentro de nós

o maior privilégio que eu tenho na vida, mora na mesma casa que eu, é grátis e saiu das minhas entranhas!

Lá fora o mundo desaba no meio de ventos e vendavais, com chuva e um frio de rachar. Cá dentro, sento-me num tapete no quarto dos meus filhos e sou a convidada de honra num pic-nic de Fadas. Temos toalha de quadrados azuis estendida e é-me servido o melhor café do mundo! Os ingredientes saltam directos da imaginação de uma besnica de 4 anos: pizza, pó de maçã, bocadinhos de chocolate, água e mel. De seguida, dão-me a provar um bolo com bolinhas de sabão, gelado de baunilha, cascas de laranja, suspiros de fadas e chocolate em pó. De barriga “cheia”, tenho a sorte de entrar num salão de cabeleireiro privado onde me fazem o melhor penteado de sempre (qual Beauté, qual quê!) e uma maquilhagem de sonho. (Ainda bem que ninguém me viu!)

 

Em menos de nada, estou de gatas no chão com um cowboy de dois anos às costas a gritar “Irrrraaaaaaa!!!” e acabo encostada a um almofadão a fazer uma viagem até ao parque e à praia com o Mickey e o Pateta. Tudo isto sem sair de casa e sem gastar dinheiro! E aquela meia hora fez o meu dia! Os meus filhos felizes a darem gargalhadas e a rebolarem no chão. Eu a cheirá-los e a receber abracinhos (do melhor que há por aí) e beijinhos babados de cair para o lado! E com tantas queixas do dia-a-dia, apercebo-me que o maior privilégio que eu tenho na vida, mora na mesma casa que eu, é grátis e saiu das minhas entranhas!


http://princesinhalu.blogspot.pt/

Comentários