Tony Carreira não nega plágio

O cantor diz que o problema só diz respeito a ele e à Sociedade Portuguesa de Autores.

Desde Maio, um blog na internet, overdadeirotony.blogspot.com, tem lançado acusações de plágio a Tony Carreira, usando como prova os originais que o cantor terá supostamente copiado.

O cantor tem-se recusado a falar do assunto, mas, agora, decidiu dar uma breve declaração à revista "TV Mais", sem desmentir as acusações de que está a ser alvo.

"Essa situação (o plágio) só me diz respeito a mim e à Sociedade Portuguesa de Autores. Mas volto a referir que estou tranquilo", afirmou ele.

A agente do cantor, Maria José Ribeiro, usa nomes internacionais para desculpar Tony Carreira: "Apenas digo que, por exemplo, a Madonna, a Céline Dion ou os U2 também foram acusados de plágio e hoje são nomes que vão ficar para a história da música".

O cantor diz contar com o apoio da mulher, Fernanda Antunes, neste momento difícil. Ela, por sua vez, não deixa de elogiar o marido em todos os aspectos. "A nossa família é muito feliz. Temos três filhos perfeitos e o Tony é o homem da minha vida. Ele é o melhor marido e pai do mundo", declarou ela à publicação.

A polémica do plágio envolve quatro canções - "Leva-me ao Céu", "Ai Destino", "Esta Falta de Ti" e "Depois de Ti" - que estão distribuídas pela discografia de Tony e que supostamente corresponderiam a versões de The Tremeloes, Enrico Macias, Natasha St Pierre e Pierre Bachelet, respectivamente.

A autoria dessas músicas na versão portuguesa aparece creditada ao próprio Tony Carreira e também a Ricardo Landum. Este último é produtor e compositor de Tony há mais de 20 anos.

A Sociedade Portuguesa de Autores confirmou ter conhecimento do assunto, mas ninguém está a trabalhar no caso, já que ainda não houve nenhum queixa por parte dos artistas visados.

artigo do parceiro: Top Fama

Comentários