Sir Bobby Robson e amigos ajudam crianças portuguesas

Sir Bobby Robson e amigos ajudam crianças portuguesas O homem que treinou Sporting e Porto nos anos 90 juntou no Algarve velhas glórias do futebol numa jornada de beneficência em prol das crianças do Refúgio Aboim Ascensão. O craque Luís Figou faltou à chamada…

Aos 75 anos de idade, Sir Bobby Robson, que deixou uma marca de classe e simpatia no futebol português nos anos 90 enquanto treinador do Sporting e do Porto, continua um verdadeiro "gentleman" e, sobretudo, um coração de ouro.

Apesar de lutar contra um cancro há mais de 15 anos, Robson não se deixa abater e, como ele próprio diz, recusa-se a ficar "em casa a vegetar" e vai ajudando os mais necessitados.

No passado fim-de-semana, pela quinta vez, Sir Bobby Robson reuniu no Algarve um vasto grupo de velhas glórias do futebol britânico (Alan Shearer, Pat Jennings, Alan Brazil, Kenny Dalglish e muitos mais...), com alguns portugueses pelo meio (Eusébio, Paulo Sousa, Carlos Xavier), além de Ricardo e Moreira, dois guarda-redes no activo.

O dia começou com um torneio de golfe no campo de Vila Sol, em Vilamoura, e terminou com um jantar-leilão de beneficência em prol do Refúgio Aboim Ascensão, uma instituição que Bobby Robson tem ajudado financeiramente e que acolhe crianças vítimas de maus-tratos, abuso sexual ou abandono.

No final de noite, após terem sido leiloadas camisolas autografadas por vários craques do passado e do presente, eles Eusébio e Cristiano Ronaldo, Sir Bobby Robson mostrou-se satisfeito com o valor do cheque que vai entregar ao Refúgio: 72 mil euros. Menos contente ficou com a inesperada ausência de Luís Figo. Depois de ter confirmado, durante a manhã, a sua presença no jantar, o futebolista do Inter, de férias no Algarve, acabou por mandar dizer que não poderia estar presente.

artigo do parceiro: Top Fama

Comentários