Selena Gomez confessa que sofria ataques de pânico

A cantora fez uma produção para a Vogue do mês de abril, onde recordou uma das fases mais difíceis da sua vida.

Selena Gomez tornou-se uma das personalidades do momento, depois de ter protagonizado a capa da Vogue do mês de abril. À conversa com a publicação, a cantora fez várias revelações, entre elas, a forma como lidava com a pressão dos fãs.

“As pessoas queriam tanto que eu fosse autêntica que quando isso aconteceu [internamento numa clínica na sequência de um esgotamento] foi um grande alívio. Não sou diferente do que eu coloco lá [redes sociais]. Tenho vindo a ser vulnerável com os meus fãs e às vezes dizia coisas que não devia. Mas tinha de ser honesta com eles. Acho que isso em grande parte é responsável pelo lugar onde estou agora”, referiu.

Na mesma conversa, Selena confessou que sempre se sentiu muita sozinha durante as digressões. “Estava deprimida, ansiosa. Comecei a ter ataques de pânico antes mesmo de entrar em palco, ou mesmo depois de sair. Basicamente não me sentia boa o suficiente, incapaz. Sentia que não estava a dar nada aos meus fãs e que eles podiam ver. O que quero dizer é que a minha vida estava muito tensa e tinha de ter um escape”,concluiu.

artigo do parceiro: NM

Comentários