Ronaldo apanhado em escândalo sexual

Ronaldo apanhado em escândalo sexual Travestis fintam futebolista brasileiro num motel do Rio de Janeiro.

O futebolista brasileiro Ronaldo, de alcunha "O Fenómeno", foi protagonista de um escândalo sexual, ao envolver-se com três travestis, na madrugada de segunda-feira, num motel do Rio de Janeiro.

De acordo com o depoimento prestado na polícia pelo jogador, tudo começou quando conheceu numa discoteca da Barra da Tijuca uma mulher que se identificou como Andréa e disse que era "garota de programa". Os dois foram para um motel e Andréa chamou outras duas amigas. Na hora da verdade, Ronaldo percebeu que "elas" eram "eles" a prontificou-se a pagar mil reais a cada um para cancelar o esquema.

Aparentemente, os travestis exigiram mais dinheiro, sob pena de denunciarem a história à imprensa, o que teria despoletado a ira de Ronaldo. Seguiu-se uma enorme confusão, a polícia foi chamada e acabaram todos na esquadra.

Nume entrevista ao diário "Folha de São Paulo", o travesti Andréa contou, entretanto, uma versão diferente. Revelou que Ronaldo fez sexo com as suas "duas amigas" e que consumiu cocaína. Explicou, ainda, que só houve confusão porque o jogador deu 770 dólares aos dois travestis para irem buscar mais droga a uma favela e eles fugiram com o dinheiro.

A polícia abriu um inquérito para investigar se o jogador do Milan, actualmente lesionado, foi vítima de extorsão e furto por parte dos travestis.

artigo do parceiro: Top Fama

Comentários