Nuno Markl solidário com os gatos

Humorista protesta contra envenenamento de dezenas de felinos em Tróia.

Nuno Markl cancelou um espetáculo que tinha agendado para a noite de 15 de agosto, no Tróia Beach Club, em protesto contra o alegado genocídio de gatos na península de Tróia.

“A minha decisão não é uma declaração de guerra ao Turismo de Tróia - baseia-se, simplesmente, na minha vontade de perceber, primeiro, o que está a acontecer em Tróia, como é que a câmara de Grândola e o Turismo de Tróia estão, de facto, a lidar com o problema dos gatos vadios”, justificou o humorista na sua página do Facebook.

Nuno Markl mostrou-se sensível aos apelos das várias associações de defesa dos animais que têm vindo a alertar para a morte de dezenas de felinos, alegadamente com recurso a veneno: “Num ano mataram por envenenamento e não só, uma geração inteira de gatos” – denunciou o grupo “Tróia – Basta de Genocídio Felino”.

Markl explicou que cancelou a atuação de modo “a perceber, primeiro, o que está a acontecer em Tróia, e em que medida é que eu, enquanto figura pública ligada à causa dos direitos dos animais, posso contribuir para encontrar soluções que não sejam desumanas para com os bichos”.

A decisão do humorista foi amplamente aplaudida nas redes sociais, com destaque para a cantora Lena D’Água, conhecida por ser também uma acérrima defensora dos direitos dos animais.

artigo do parceiro: Top Fama

Comentários