Nuno Markl esclarece: "Eu e a Ana Galvão não abrimos guerra nenhuma"

A discussão polémica sobre os YouTubers, aberta na última semana pelo ex-casal, continua a dar que falar.

Na última semana, Ana Galvão decidiu recorrer à página que tem no Facebook para mostrar o seu ponto de vista sobre “uma legião de jovens YouTubers que estão a ensinar barbaridades aos nossos filhos”. Uma opinião que é também partilhada pelo ex-companheiro, Nuno Markl, uma vez que ambos se preocupam com a educação do filho que têm em comum, Pedro, de oito anos.

Um desabafo que levou a que a locutora da Renascença a ser alvo de “insultos” por parte de alguns fãs dos jovens YouTubers.

Perante toda a polémica, este fim de semana Nuno Markl decidiu também recorrer às redes sociais para esclarecer que ambos não abriram uma guerra contra os YouTubers.

“Anda para aí uma notícia a dizer que eu e a Ana Galvão abrimos guerra contra um Youtuber por ele, de repente, ter dito, num episódio a que assisti com o meu filho, ‘quando a tua mãe te acordar para ires para a escola, manda-a para o c******’”. A verdade é que não abrimos guerra nenhuma contra ninguém. Talvez tenha aberto uma guerra contra mim próprio enquanto pai. Possivelmente, e apesar de ser um pai bastante presente na vida do meu filho, deveria estar mais atento, há mais tempo, sobre aquilo que ele vê no YouTube. Falei do assunto, porque sei que há mais pais como eu”, começou por explicar o locutor da Rádio Comercial.

Na mesma publicação, Markl frisou que, na sua opinião, este assunto apenas devia ser “pensado e falado”, “sem repressões, censura ou bullying”. “Há miúdos muito pequenos a serem deixados com essa nova babysitter chamada YouTube", acrescentou, falando também dos 'ataques' que recebeu por causa da rubrica 'Uma Nêspera No Cu'.

"Nesta controvérsia toda, não faltou quem dissesse: ‘És um hipócrita porque dizes isso e fazes uma série chamada uma nêspera no cu’. Faço; a diferença é que a nêspera é feita por adultos para adultos, e não faltam avisos sobre isso. Pode acontecer uma criança cruzar-se com a nêspera? Pode. Pode acontecer uma criança cruzar-se com coisas ainda piores. Mais uma razão para não confiarmos no talento da Internet para babysitting”, disse.

Durante a troca de comentários com os internuatas numa das publicações de Ana Galvão, Nuno Markl confessou que quem o levou a debater este assunto foi o jovem Wuant, uma vez que foi quem disse: “Quando a tua mãe te acordar para ires para a escola, manda-a para o c******”. No entanto, o humorista frisa que não deseja “nada de mal ao Wuant ou a qualquer um dos youtubers favoritos dos miúdos”.

“Adorava que eles gritassem menos e subissem um bocadinho o nível do conteúdo dos seus vídeos? Adorava, mas quem sou eu para dar lições sobre isso? Resta-me só alertar-me a mim próprio e a pais como eu: acompanhemos os nossos miúdos. A conversa que o vídeo do ‘manda a tua mãe para’ gerou entre mim e o Pedro, e as conclusões a que ele próprio chegou, até acabou por ser preciosa. Mas é sempre melhor tê-la antes”, rematou.

Leia na íntegra:

artigo do parceiro: NM

Comentários