Macaco de Justin Bieber à espera do dono

O simpático animal continua retido num abrigo de Munique.

O cantor Justin Bieber ainda não deu quaisquer sinais de pretender recuperar o seu amigo Mally, um macaco capuchinho que as autoridades alemãs lhe confiscaram no aeroporto de Munique, na passada quinta-feira.

Mally, que desembarcou na Alemanha, na comitiva de Bieber, sem documentos veterinários e outros, está de quarentena num abrigo para animais, à guarda das autoridades alfandegárias.

“O dono dispõe de quatro semanas para apresentar os documentos legais necessários e recuperar o animal”, declarou Martin Brandlhuber, porta-voz da Alfândega de Munique.

“Se nada acontecer nesse prazo o macaco será libertado e entregue a outrem”, acrescentou o mesmo informador, sem especificar qual poderá ser o destino concreto de Mally.

Segundo um diretor do abrigo onde se encontra o macaco capuchinho que alguém ofereceu a Bieber no passado dia 1 de março, dia em que o cantor festejou 19 anos, Mally “é muito amistoso e adora coisas doces”. Além disso, “parece ter costumes humanos e anda sempre com um boneco de peluche, sem o qual se recusa a comer”.

Enquanto o macaquinho espera na jaula (ver Fotos), Justin Bieber continua a sua tournée europeia por terras da Alemanha e da Áustria.

Comentários