Kátia Aveiro já foi pobre

“Quando comíamos frango era uma festa!”, revela a irmã de Cristiano Ronaldo.

De bem na vida nos tempos que correm, Kátia Aveiro, irmã mais nova de Cristiano Ronaldo, revelou no “reality show” espanhol “Supervivientes” (Sobreviventes) que já viveu tempos difíceis, com pouca comidinha na mesa.

Num regresso ao passado, Kátia contou aos colegas que passou a infância a apertar o cinto na Madeira, sua terra natal. 

“A única coisa que não faltava lá em casa era o pão. A minha mãe comprava-o todos os dias e pagava no final do mês. Mas só havia fiambre de 15 em 15 dias e carne apenas ao domingo. Durante a semana, só comíamos pão com manteiga e a minha mãe fazia sopa de legumes sempre. Quando comíamos frango, era uma festa!”, explicou a cantora.

Kátia recordou, ainda, que o seu falecido pai, Dinis Aveiro, costumava ir a um supermercado e trazer chocolates com prazo de validade já ultrapassado.

As revelações de Kátia Aveiro sensibilizaram bastante alguns dos seus companheiros de “reality show”, mas a irmã de Ronaldo pediu-lhes para “não terem pena” porque, apesar das dificuldades, havia “muito amor e paz em sua casa”.

E além do mais, concluiu, “é assim que se aprende a dar valor à comida, ao que se ganha, ao que se conquista”.

Comentários