José Castelo Branco quer ganhar o “Splash!”

Ame-se ou odeie-se, a verdade é que o excêntrico José Castelo Branco tem dado espetáculo no programa da SIC “Splash! Celebridades”. Já está apurado para a semifinal e pretende subir ao lugar mais alto do pódio. “Sou o favorito nº 1. Estou a lutar pela vitória!”, diz o “conde” nesta conversa com SapoFama.

Como é que está a correr a sua participação no “Splash! Celebridades”?
Maravilhosamente bem. Tem havido grande união e solidariedade entre todos e toda a gente tem sido amorosa comigo. Até concorrentes como a Rita Andrade, a Raquel Strada e a Merche Romero, pessoas que eu praticamente não conhecia e que porventura me achavam execrável, ficaram minhas fãs…

E os homens? Gostam de si?
O que é que acha? O Ricardo Guedes, o bonitão, farta-se de dizer aos amigos que é o meu fã número 1. A pequena Simone, uma mulher de armas, tem uma grande paixão por mim. E o Jorge Pina dá-me imensos beijinhos e, apesar de quase cego, sabe sempre o sítio certo onde beijar…

E que sítio é esse?
Beija-me no pescoço…

O Zé já foi apurado para a semifinal graças a um mergulho muito aplaudido. É difícil saltar da prancha?
Dificílimo! Andei toda a minha vida a nadar com a cabecinha de fora de água, para não estragar o batôn, e agora vejo-me metido numa destas… Nos ensaios falhei um mergulho, fiz “Splash!”, foi uma dor horrível… Mas, ó filho, quando chega aquele momento de “câmaras, luz, ação!’, aí não há hipóteses – aparece sempre o verdadeiro José Castelo Branco… Parto sempre para estas coisas com a certeza de que Deus está comigo e que, na hora das luzes, vou estar em bom!

Fechou os olhos para saltar?
Pelo contrário, saltei de olhos bem abertos! E parece que o meu mergulho foi um sucesso, visto por uma audiência de 2 milhões e 200 mil portugueses, segundo me disse a direção, porque eu tenho mais que fazer do que andar por aí a ler os auditómetros…

Esse mergulho foi até agora a sua emoção mais forte no “Splash!”?
Sim, mas também me emocionei muito com a exibição do ballet aquático, que correu lindamente.

Onde é que foi inventar os excêntricos modelos de fato-de-banho que tem usado no programa?
O modelo da primeira semana por concebido por mim e costurado às ordens da produção, que fez exatamente o que eu queria. No segundo programa, usei um casaco marujo e chapéu Yves Saint Laurent Rive Gauche e calças Balenciaga. E o fato de banho da terceira semana foi sugerido pela produção.

Sabemos que recusou um convite do “Big Brother”, da TVI, para estar no “Splash!”, da SIC. Acha que fez bem?
Decidi-me pelo programa da SIC porque achei mais interessante entrar num novo desafio do que estar a fazer uma ‘répetition’. E julgo que fiz muito bem. Não me divorciei de ninguém, continuou a ter as melhores relações com a TVI, mas, como é lógico, desde que vesti a camisola deste programa, estou a esforçar-me ao máximo pelo seu sucesso.

Reações do público?
Por onde eu passo é a loucura total! O público, em particular a gente mais nova, adora-me!

Quem são os favoritos à vitória final no “Splash! Celebridades”?
Para mim, o favorito nº 1 sou eu! Entro em tudo para ganhar, sou um profissional, estou a lutar pela vitória. São os portugueses quem vai decidir, certamente haverá ali melhores mergulhadores do que eu, mas os telespectadores também sabem que aquilo não é apenas um programa para descobrir o melhor saltador… Se fosse só para isso, a SIC teria contratado um grupo de campeões olímpicos…

O que mais poderemos esperar do Zé no programa?
Muita coisa… Já no próximo domingo, vou fazer um número que vai surpreender toda a gente. Vou cantar, em estilo ‘house music’, um tema antigo muito piroso, que vai ser uma caturreira! E quanto aos saltos de prancha, estou a preparar-me para a semifinal. Já saltei da prancha dos 5 e dos 7,5 metros e quero mesmo mergulhar da marca dos 10 metros.

Tem feito ginásio para estar em forma?
Qual quê?! Só de pensar nisso já fico cansado… Nem ginásio, nem dietas. Ainda hoje comi 12 sardinhas e sei que vou continuar tão elegante como sempre. Tenho uma genética abençoada. Como que nem uma vaca e não passo dos 56/57 quilos. Sou um peso-pluma e, nos treinos de piscina, não consigo sequer ir ao fundo. Para isso, tenho mesmo de calçar uns sapatos especiais com chumbo.

artigo do parceiro: Top Fama

Comentários