Goucha processa “caluniadores”

Apresentador indignado com acusações de “traição e dívidas”.

“A resposta darei em tribunal!”, declarou ontem Manuel Luís Goucha aos jornalistas, numa primeira reação a acusações de “traição e dívidas” feitas por credores do seu antigo restaurante “Em Banho Manel”.

A estrela da TVI, que ontem venceu o prémio de melhor apresentador 2013 atribuído pelos leitores da revista “TV 7 Dias”, anunciou vai processar todos os responsáveis pela publicação de uma reportagem da “TV Guia” em que é retratado como “golpista” e “caloteiro”.

Em causa está a forma como Goucha conduziu o processo de encerramento da sua antiga empresa, que, entretanto, conseguiu a insolvência sem bens susceptíveis de penhora.

Segundo a “TV Guia”, que publica alguns documentos e vários testemunhos, “antes de saldar as dívidas, o apresentador transmitiu a sua quota da empresa ‘Em Banho Manel’ para o companheiro, Rui Oliveira, que não tem bens”, deixando um empresário, alguns fornecedores e dezenas de funcionários “a arder” em muitos milhares de euros.

Do ponto de vista dos críticos, ao passar a sua quota nas circunstâncias difíceis em que a empresa já se encontrava, Goucha não pretendeu mais do que livrar-se de responsabilidades e proteger os seus bens pessoais.

Comentários