Fotógrafo pede perdão por ter alterado cabelo de Nyong’o em revista

"Percebo agora que foi um erro incrivelmente monumental", afirmou o fotógrafo.

Na última sexta-feira, dia 10, Lupita Nyong'o usou as redes sociais para fazer um desabafo após notar que as suas fotos para a revista Grazia tinham sido alteradas.

Na edição, o cabelo volumoso da atriz, que estava preso, foi alisado digitalmente e sem autorização prévia.

Após Lupita afirmar que se sentia "dececionada", o fotógrafo vietnamita An Le, responsável pelo ensaio e pela edição das fotos, resolveu pedir desculpa pelo erro. “Eu tirei um tempo para refletir sobre a minha participação no incidente que envolveu a revista Grazia e Nyong’o. Eu percebo agora que foi um erro incrivelmente monumental que eu fiz e eu gostaria de aproveitar para pedir desculpas a Nyong’o e a todos os outros que ofendi. Embora não fosse minha intenção ferir ninguém, posso ver agora que alterar a imagem do seu cabelo foi um ato incrivelmente prejudicial", começou por dizer o profissional em comunicado enviado à imprensa esta segunda-feria, dia 13.

"Como imigrante que sou, é meu dever ser um defensor da representação da diversidade da beleza neste setor. Eu vou demonstrar ainda mais isso nos meus próximos trabalhos", acrescentou. “Não há desculpa para as minhas ações. Eu lamento profundamente pela dor que causei a senhorita Nyong’o, uma mulher que eu admiro há algum tempo. Mais uma vez, gostaria de dizer que sinto muito a todos que ofendi. Quero agradecer a Lupita por abordar esta questão tão importante“.

Recorde-se que a revista Grazia também pediu perdão pelo erro ocorrido na edição do ensaio fotográfico. “Em nenhum momento fizemos qualquer pedido editorial ao fotógrafo para o cabelo de Lupita Nyong’o ser alterado na capa desta semana, nem nós alteramos“, afirmou a publicação.

Recorde a publicação de Lupita Nyong'o nas redes sociais:

artigo do parceiro: NM

Comentários