Cristina Ferreira na berlinda

Apresentadora da TVI envolvida numa guerra política em Famalicão.

Cristina Ferreira recebeu ou não 5 mil euros para apresentar um evento de moda em Famalicão no passado dia 30 de novembro?

Esta é a questão que está no centro de uma guerra política na Câmara daquela cidade nortenha, com os vereadores do Partido Socialista a exigirem saber se uma parte do subsídio municipal de 35 mil euros dado aos organizadores da Artemoda Famalicão serviu para pagar tal “cachet” à estrela da TVI.

Aparentemente, os socialistas locais acham que o preço de 5 mil euros é demasiado alto para tal trabalho, sobretudo num momento em que as finanças públicas estão de tanga.

E para a agravar as coisas, um jornal de Lisboa informou, erradamente, que o evento apresentado por Cristina era de natureza “solidária” – notícia que deixou a apresentadora com péssima imagem e … muito irritada.

Sem esclarecer se recebeu ou não os tais 5 mil euros, Cristina achou por bem recorrer ao Facebook para sublinhar que o Artemoda Famalicão não é nenhum “evento de solidariedade” e que todos os anos tem alguém a apresentá-lo.

Com remuneração, presume-se.

Comentários