Chris Brown chega a acordo em tribunal

O cantor e a mãe da filha vão partilhar a custódia da menina.

Chris Brown tem vindo a lutar em tribunal pela custódia da filha, Royalty. Recentemente o processo já chegou ao fim e a justiça decidiu que os pais deveriam partilhar a custódia da menina, isto apesar de o cantor ter sido acusado de consumir drogas.

Por causa destas suspeitas o artista foi submetido a vários testes os quais deram positivo, em relação a canábis e a codeína (um fármaco usado no tratamento da dor). No entanto a defesa de Chris conseguiu provar que o seu consumo tinha sido prescrito por um médico.

"O tribunal correu muito bem. Satisfeito com todo o trabalho... o meu obrigado à minha equipa de defesa", escreveu Chris nas rede sociais.

O cantor terá ainda de pagar uma pensão mensal de 2500 dólares e ainda 15 mil dólares para outros gastos.

artigo do parceiro: NM

Comentários