Beauté processa Monchique?

Um “sketch” do ator deixou o cabeleireiro muito zangado.

O cabeleireiro Eduardo Beauté não gostou de ver a sua família “achincalhada” num “sketch” de Joaquim Monchique durante a gala dos Prémios Lumen da RTP e tem nas mãos do seu advogado um processo judicial pronto a avançar a qualquer momento.

Nessa noite de festa, Monchique, que estava no palco do Casino Estoril acompanhado por Eduardo Madeira e Manuel Marques, brincou com Beauté e o seu marido, Luís Borges, em termos que o conhecido cabeleireiro considera “xenófobos e racistas”.

“Não estava a assistir à gala em direto, mas logo nessa noite recebi telefonemas de amigos que se tinham sentido incomodados com a forma como ele decidiu brincar com o meu nome, chamando ao Luís ‘lombriga encardida’ e dizendo que ‘as bichas agora vão buscar meninas a África’…”, declarou Beauté à revista “Nova Gente” desta semana.

O cabeleireiro, que é pai adotivo de duas crianças, uma delas originária da Guiné, sentiu-se ofendido e decidiu agir judicialmente contra o ator.

O processo-crime está pronto no escritório de um advogado e, segundo afirma Beauté, só ainda não avançou para não perturbar a “fase feliz” que a sua família está a viver.

De qualquer forma, o cabeleireiro sublinha que o assunto não está encerrado e a queixa pode ser formalizada a qualquer momento.

artigo do parceiro: Top Fama

Comentários