Bárbara Guimarães vai divorciar-se

O romance da apresentadora com o ex-ministro Manuel Maria Carrilho chegou ao fim.

Bárbara Guimarães e Manuel Maria Carrilho já vivem separados e caminham para o divórcio – anunciam hoje duas revistas cor-de-rosa.

Até ao momento, nem a apresentadora nem o ex-ministro da Cultura confirmaram ou desmentiram tal informação, mas as notícias da “Lux” e da “Nova Gente” deixam pouca margem para dúvidas.

Segundo a “Lux”, que publica um documento comprovativo, Bárbara Guimarães já requereu junto do Tribunal de Família e Menores de Lisboa a regulação do poder paternal dos dois filhos do casal, Dinis, de 9 anos, e Carlota Maria, de 3.

A “Nova Gente”, por seu turno, adianta que o processo está a decorrer de forma pouco pacífica, com Bárbara Guimarães a impedir o (ainda) marido de entrar na casa que ambos partilhavam com os filhos.

A mesma publicação informa que a apresentadora só sai à rua acompanhada de “seguranças” e que a polícia já foi chamada a intervir, num dia em que Carrilho pretendia entrar na casa de família, sem o conseguir: “Vivemos num Estado de Direito e não posso entrar na minha própria casa?”, teria gritado o ex-ministro, segundo “vizinhos” do casal desavindo.

Bárbara Guimarães, de 40 anos, e Manuel Maria Carrilho, de 62, casaram-se em 2001 e, ao longo do tempo, nunca deram qualquer sinal exterior de crise conjugal. Muito pelo contrário, um e outro foram passando, em sucessivas entrevistas e vistosas produções em revistas cor-de-rosa, a imagem de um casal apaixonado e de uma família feliz.

Comentários