Celeste Rodrigues: "Já não tenho carta, mas diziam que eu guiava tão bem como um chauffer de táxi!"

Nesta segunda parte da homenagem que os Retratos Contados prestaram à Fadista Celeste Rodrigues, partilhamos convosco a cumplicidade e boa-disposição desta família ligada às artes.

artigo do parceiro:

Comentários