Almedina lança "O Ciclo do Café"

A partir de Fevereiro, todas as quartas e quintas-feiras, às 19 horas, a livraria do Atrium Saldanha partilha ideias e conselhos

.Chama-se “O Ciclo do Café”.e será um espaço de debate de temáticas úteis à formação dos cidadãos, entre as quais Direito, Blogosfera, Política e Literatura, associadas numa programação “estimulante como a cafeína”..

Para descrever a nova proposta da Almedina Atrium Saldanha, Filipa Melo escolheu três palavras: «comunidade», «utilidade» e «partilha». Responsável pela concepção e coordenação da iniciativa, a jornalista e escritora esclarece ainda que “O Ciclo do Café” pretende proporcionar ao público uma série de encontros diversificados, mas pensados em conjunto para servirem um único denominador comum: o cidadão que deseja, em conjunto com outros, alimentar, reflectir e discutir activamente a sua participação cívica e intelectual”.

Para isso, cada ciclo de sessões será coordenado e moderado por profissionais com méritos amplamente reconhecidos nas suas áreas. “Pedro Mexia, Edgar Valles, Carla Quevedo, Manuela Harthley, Nuno Nabais, eu própria, queremos partilhar com o público visões particulares do mundo, numa perspectiva de formação livre e troca conjunta de conhecimentos, perspectivas e opiniões”, frisa Filipa Melo.

O actor, encenador e ficcionista André Gago, o ensaísta, poeta e tradutor Jorge Fazenda Lourenço ou o politólogo Pedro Magalhães são alguns dos muitos convidados que, até Abril, vão passar pel’“O Ciclo do Café”.

artigo do parceiro: Nilza Rodrigues

Comentários