Passadiços do Paiva vão ter ponte pedonal em vidro

Até ao verão do próximo ano, aquela que é uma principais atrações turísticas do concelho de Arouca vai contar com uma nova travessia transparente com 480 metros. Depois de abrir, o preço pode aumentar.

Depois da madeira, o vidro. À semelhança de outros parques naturais mundiais, os Passadiços do Paiva, no concelho de Arouca, vão ter uma nova ponte pedonal. A estrutura envidraçada terá 480 metros e estará suspensa sobre o rio Paiva a uma altura de 150 metros. Mais um motivo de interesse para atrair (ainda) mais gente àquela que já é uma principais atrações turísticas do município. O investimento ronda 1,7 milhões de euros.

«[É uma obra] tecnicamente muito exigente. Vai estar apoiada por apenas dois cabos e ligar ambas as margens do rio na zona da Garganta do Paiva, permitindo apreciar a cascata das Aguieiras e a escadaria monumental dos passadiços a partir de uma cota superior, já que todo o piso será totalmente transparente», avançou José Artur Neves, presidente da autarquia, em declarações à agência noticiosa Lusa.

A abertura deverá ocorrer ainda ainda antes do verão do próximo ano. A nova travessia, com 1,20 metros de largura em toda a extensão, poderá implicar o aumento da entrada, que atualmente custa 1 €. «Deverá ter efeito no preço mas isso ainda se está a estudar», admite o edil. Inaugurados em junho de 2015, os Passadiços do Paiva já foram visitados por «mais de meio milhão» de pessoas, estima José Artur Neves.

Texto: Luis Batista Gonçalves com Passadiços do Paiva (fotografia)

artigo do parceiro:

Comentários