Coleção IKEA PS 2014 à venda a partir de 1 de abril

Peças foram desenvolvidas por jovens designers em parceria com a marca (fotos)

Não, não é mentira de 1 de abril. O Dia das Mentiras foi mesmo a data escolhida pela Ikea para lançar a a sua nova coleção de design IKEA PS 2014 - Em movimento, que inclui mobiliário, acessórios e objetos decorativos com um design urbano e funcional, mais vocacionada para tirar maior partido de espaços citadinos, tendencialmente mais pequenos. Segundo a empresa, a mais recente afirmação de design da marca capturou os sonhos e necessidades de uma nova geração urbana.

«A nossa expetativa é que os artigos da coleção IKEA PS 2014, deste ano, respondam às necessidades da nova população urbana que muda de casa com mais frequência. Tivemos em conta as suas necessidades e os seus sonhos ao criar estes artigos divertidos, bonitos e flexíveis», refere David Wahl, designer da Ikea na Suécia. O ponto de partida foi um estudo realizado em janeiro de 2014 que revela que duas em cada três pessoas querem ter artigos de design, mas gostariam que fossem mais acessíveis.

Esse inquérito revela ainda que duas em cada três pessoas sentem necessidade de maximizar cada centímetro da sua casa de forma eficiente, enquanto 50% precisam de móveis que possam ser usados para mais do que uma função. A mesma percentagem considera o design e a funcionalidade de um produto são fatores igualmente importantes. Para concretizar essa permissa, a empresa desafiou jovens designers de todo o mundo a conceber peças, juntamente com a equipa de design da Ikea.

O resultado são 51 produtos diferentes, em materiais diferenciados, que vão de uma mesa de apoio com um candeeiro integrado, a tapetes com padrões inspirados na Europa de Leste, de armários de canto a um roupeiro totalmente aberto que pode ser decorado de acordo com o estado de espírito e o gosto pessoal. «A coleção IKEA PS nasceu em 1995 e é sempre o mais recente statement de design da Ikea», refere a marca em comunicado. A nova coleção que chega às lojas a 1 de abril de 2014 é já a oitava.


artigo do parceiro:

Comentários