Prepare-se para receber a primavera em grande

Fevereiro é um mês de transição. Veja o que ainda deve fazer nas próximas semanas para tirar partido dos dias frios de inverno e abrir caminho para a próxima estação.

Podar e limpar são duas das principais tarefas desta época de transição. Pode as suas roseiras. Se ainda não o fez, esta é a altura certa. Pode reduzi-las a um terço deixando pelo menos cinco nós em cada um dos ramos. Ao limpar e podar todos os arbustos de folha caduca, aproveite para lhes remover desde a base ramos que estejam secos, mal inseridos ou tortos, por exemplo, para aliviar a planta e garantir a entrada de luz até a abaixo.

Pode aproveitar para reduzir copas, mas cuidado com a quantidade de gomos florais que deixa. Pode sempre acima dos gomos. Pode arbustos como as hortênsias (Hydrangea sp) e as sempre-noivas (Spiraeae cantoniensis). Pode também as berbéris (Berberis thunbergii), lilases (Syringa vulgaris), hibiscos e tamarix. Ao conduzir as suas trepadeiras, principalmente as de folha caduca como a glicínia, vinha virgem, buganvília, jasmim, só para enumerarmos algumas, tenha cuidado.

Faça-o conduzindo os ramos na direção da parede, prenda-os e, se for necessário, reforce as estruturas de apoio. Aproveite para fazer umas podas de renovação, removendo desde a base ramos velhos, secos, tortos e com poucas folhas. Desta forma garante uma renovação da planta na primavera. Veja a galeria de imagens com as tarefas de fevereiro e saiba quais são as 12 tarefas essenciais para fazer até ao fim do inverno.

Plantar e semear

Estarmos no inverno não é desculpa para ter um jardim, uma varanda ou um terraço triste, sem cor. Esta é uma boa altura para plantar herbáceas de época com floração de inverno. Escolha as zonas mais visíveis do jardim e selecione alguns vasos na sua varanda ou terraço. Ao sol ou meia sombra, opte por plantar amores-perfeitos, ciclâmenes, prímulas ou margaridas-inglesas. À  sombra, pode optar por plantar alegrias-do-lar, que são um clássico e que acabam por ter flores todo o ano.

Plantas em vaso e floreira

Nas suas plantas em vaso, não se esqueça de ir vendo a quantidade de substrato, pois com a chuva por vezes é arrastado e as plantas ficam com carências nutritivas. Não vale a pena fertilizar antes do final do inverno, mas pode sempre repor substrato ou um pouco de húmus de minhoca. É nesta estação que se prepara a próxima, a primavera! Para poupar algum dinheiro nessa altura, pode começar a fazer em casa as sementeiras de flores de primavera e verão.

Pode ainda semear ervilhas-de-cheiro, goivos, bocas-de-lobo, calêndulas, centáureas, tagetes (cravos-túnicos) e salvias, para garantir uma primavera e um verão muito floridos. Pode semear em tabuleiros, caixas de ovos e ainda em vasos, por exemplo. E, quando o tempo estiver mais quente e as plantas tiverem o tamanho de um polegar, não se esqueça de as transplantar para o local definitivo. Utilize um substrato leve para sementeiras e não se esqueça de pulverizar regularmente.

Texto: Teresa Chambel

artigo do parceiro:

Comentários