Porto aposta em decoração de Natal futurista

Iluminação do Passeio dos Clérigos recorre a bolas de espelhos e a reflexos prateados para atrair visitantes. O criativo Pedro Caride assina o projeto, que pode ser visto até janeiro de 2015

A eterna Cidade Invicta está na moda e não para de se reinventar. A decoração natalícia de 2014 de uma das artérias comerciais mais emblemáticas do Porto, que recorre a bolas espelhadas e a reflexos prateados, é um exemplo disso. «A original instalação de Natal do Passeios dos Clérigos tem motivado grande curiosidade por parte dos clientes e visitantes, que ali encontram cenários únicos para tirar as conhecidas selfies, seja com a Torre dos Clérigos invertida, seja com os efeitos de luz que a iluminação natural cria ao incidir nas dezenas de bolas de espelho», informam os promotores da iniciativa em comunicado.

«Com assinatura do conceituado criativo Pedro Caride, a instalação gira em tornos de três elementos decorativos, bolas, luz e charcos, que proporcionam um efeito visual de grande impacto, criando ambientes diferentes, mas sem perder a envolvência inerente à quadra festiva. Ao longo do passeio e do jardim superior, serão distribuídas 75 bolas espelhadas que, iluminadas por focos de luzes, criarão um cenário exuberante de desfragmentação da luz», refere ainda o documento.

Os reflexos das bolas nos charcos improvisados e espalhados no passeio que une a Torre dos Clérigos à Livraria Lello e no Jardim das Oliveiras criam efeitos surpreendentes. «Trata-se de um verdadeiro hino aos reflexos e à ilusão de óptica, que, por certo deixará toda a gente curiosa e divertida. A Torre dos Clérigos, por exemplo, surgirá invertida no reflexo do espelho no piso de baixo do Passeio dos Clérigos. Os elementos naturais também terão influência directa nesta instalação de Natal, como o sol e o vento, cujos efeitos sobre as bolas criarão resultados imprevisíveis», explicam ainda os organizadores.

«Esta original decoração de Natal é para ser vivida e usufruída com intensidade por todos aqueles que por ali passem, uma vez que promete criar cenários ideais para as célebres fotografias selfies, que rapidamente se propagam pelas redes sociais. Pode assim ser uma alternativa aos tradicionais postais de boas festas, criando uma imagem divertida, com a baixado Porto como pano de fundo», refere ainda o documento. Maria Antónia Portocarrero, diretora-geral do Passeio dos Clérigos sublinha a originalidade desta instalação.

O desafio de uniformizar ambientes distintos

«Decidimos fugir aos cânones tradicionais das decorações de Natal, com muitos elementos e as cores vermelho, verde e dourado, e seguir uma linha mais moderna que conjuga melhor com a arquitectura do Passeio dos Clérigos. Assim apostamos na diferença e na interactividade com quem nos visita. Este ano a decoração de Natal será, de facto, uma surpresa», assegura a responsável. Segundo Pedro Caride, responsável pelo conceito, «o maior desafio passou por conseguir encontrar uma abordagem que conseguisse uniformizar dois ambientes completamente diferentes, como são o piso das lojas e o Jardim das Oliveiras».

«Apostamos numa ideia que gira essencialmente à volta da desfragmentação da luz. O espaço torna-se assim um palco privilegiado de pontos de luz, através de uma intervenção minimalista, apenas bolas, luzes e espelhos e os elementos da natureza», esclarece o criador. A instalação prima pela contenção na utilização de luzes coloridas características da época mas será um espaço «com um brilho e uma luminosidade muito especiais», assegura Pedro Caride.

«Estou certo que as pessoas vão vibrar com esta nossa proposta de decoração de Natal, até porque será curioso perceberem que os efeitos variam em função do ponto em que se encontram, do betão, da relva, das montras, e até da própria intervenção do sol e do vento, que criam resultados surpreendentes. Ir ao Passeio dos Clérigos à noite ou de dia proporcionará seguramente experiências muito distintas», garante Pedro Caride, que, para este trabalho, contou com o apoio do Atelier de Arquitectura da Boavista, de Vasco Madeira e Raquel Barbosa.

«O Passeio dos Clérigos é já uma referência incontornável da baixa portuense, assumindo-se como um espaço comercial e de lazer de excelência e que tem conquistado a preferência de um vasto público. Agregando no mesmo espaço insígnias de renome internacional e uma oferta de restauração de elevada qualidade, o Passeio dos Clérigos conquistou a cidade pelo look moderno e urbano, criando uma nova área trendy no Porto», refere ainda o comunicado.

artigo do parceiro:

Comentários