1 de Abril de 2015

Ás de Espadas

“Quando não se tem talento, diz-se tudo. O homem de talento escolhe e contém-se.” (Quintiliano) Nem sempre podemos dizer ou fazer o que nos apetece, somos seres pensantes ou poder de escolher por isso tente controlar os seus impulsos mais impiedosos.

30 de Março a 5 de Abril de 2015

10 de Paus

Os dias prósperos não vêm por acaso. Nascem de muita fadiga e muitos intervalos de desalento. (Camilo Castelo Branco)

Porque é que temos de crescer? Crescer traz responsabilidades, dificuldades, desilusões… Quando somos novos tudo parece tão mágico, tão mais simples! Mas no fundo a vida é simples, nós é que teimamos em torná-la complicada fazendo, muitas vezes, das coisas básicas um “bicho-de-sete-cabeças”. É como se nos estivéssemos a pôr à prova, constante e inconscientemente, para percebermos até onde conseguimos ir. É aí que o Universo vem, em nosso auxílio, trazendo-nos os “desafios”. Desafios esses, que nos fazem gradualmente perder o ego, em especial, quando nos vemos obrigados a pedir ajuda.

Por outro lado, esses desafios também nos fazem romper quaisquer limitações e inseguranças ao ultrapassá-los, verdade?

O 10 de Paus refere o facto de poder estar a chegar a um qualquer limite da sua força física e/ou anímica. Poderá não lhe apetecer ouvir nada nem ninguém, mas como nos dias de trabalho terá que o fazer, então, o melhor é cuidar de si e descansar o mais possível nas horas livres. Tem que conseguir!

O cansaço deixa-nos mais vulneráveis aos ataques de seres “pequeninos”, por isso, acautele-se e evite ao máximo entrar em guerras. Primeiro descanse e sinta-se em pleno, só depois é que vale a pena enfrentar seja o que for. Lembre-se:

“Sempre me senti feliz por estar vivo, apesar da guerra, das más notícias, não sou capaz de matar em mim a simples alegria de viver.”

Saiba qual é o seu signo ascendente

por Paulo Cardoso

Conheça o signo que está posicionado na linha do horizonte no momento do seu nascimento e que influencia a sua individualidade.

Compatibilidade amorosa

por Paulo Cardoso

É compatível com o seu parceiro? Descubra já!