Vera Xavier trabalha com o Tarot desde 2002. Terapeuta de Desenvolvimento Pessoal, Coaching, Reiki, Cura Quântica. Ministra cursos de Tarot, Meditação e Reiki Magnificado. Agenda: Curso de Tarot (Lisboa) - Inicio 22 de Janeiro, quintas-feiras, das 19h às 20h30 (semanal) Workshop de Tarot - A Viagem do Herói - dia 31 Janeiro, das 10h às 18h. (Teoria e Prática) Consultas - Porto: 16 de Janeiro - Leiria: 23 de Janeiro - Coimbra: 24 de Janeiro - Funchal: Primavera. Consultas online em www.tarotdeisis.com ou presencial em Lisboa, Porto, Coimbra, Leiria e Funchal

20 de Dezembro de 2014

6 de Copas

Porquê viver no passado, se o futuro poderá ser bem melhor? Recordar uma época feliz é uma coisa, mas escorar-se no passado é outra! Não crie barreiras em torno de si próprio

15 a 21 de Dezembro de 2014

O Louco

O segredo da felicidade está na liberdade; o segredo da liberdade está na coragem. (Péricles)

Mesmo que não queiramos ou gostemos, a vida é feita de rotinas. Levantamo-nos quase sempre à mesma hora para ir trabalhar, fazemos todos os dias o mesmo trajecto de casa para o emprego e do emprego para casa. É inevitável! Esta é uma consequência da vida adulta…

O Tarot pede-lhe, esta semana, que tente fugir um pouco dessa realidade. Encontre outros hobbies que compensem esses hábitos do dia-a-dia. De facto, por vezes, nem tempo para isso temos… achamos nós. Temos sim! Basta crer. Basta olhar atentamente e reorganizar a agenda, pôr a imaginação a trabalhar e pensar nas pequenas coisas que gostaríamos de fazer e que com certeza nos trarão um novo ânimo, um novo alento!

Tente libertar-se das amarras que a sociedade lhe impõe e principalmente, daquelas que impõe a si próprio/a e tire melhor proveito da vida e dos bons momentos até de descanso que ela lhe oferece.

Sinta-se livre - mas lembre-se que esta liberdade só será absoluta se cortar as dependências com os outros -, tenha coragem de experimentar coisas que sempre desejou, mas nunca teve tempo ou alento para fazer. O Louco protegê-lo-á! Não queira chegar ao fim da vida a enumerar as coisas que podia e desejava ter feito mas… não fez!

28 de Novembro de 2014

A Força

As paixões são como os ventos que enchem as velas de um barco. Elas até nos podem fazer naufragar de vez em quando, mas sem elas nunca encontraríamos a força para alcançar novas metas e as respectivas vitórias.