24 a 30 de Agosto de 2015

O Louco

A vida é um túnel de pressão. Quanto mais vivemos, mais responsabilidades e amarras criamos. Chega um determinado momento em que vivemos muito mais para os outros e para as coisas do que para nós próprios. Eles, a nossa família, o nosso companheiro, os nossos amigos, transformam-se no quotidiano de nossas vidas. É um caminho sem volta, torna-se vicioso...

Tudo o que construímos, ou não, estará connosco, fará parte do nosso “curriculum universal”. Temos que criar o hábito de pensar além! De pensar que somos seres pertencentes ao universo e não apenas moradores do nosso bairro.

É, também, preciso ter cuidado com o que procuramos ou queremos da vida para não sonhar coisas que afinal até não são assim tão positivas para nós. De repente conseguimos o que queremos e a nova realidade torna-se tão ou mais curta do que um fugaz sonho e algumas (muitas) vezes deixa marcas profundas e difíceis de sararem.

Por isso, quando pedir algo aos seus Anjinhos, ou directamente ao Grande Chefe, tenha o cuidado de dizer: “Se for o melhor para mim…”

Saiba qual é o seu signo ascendente

por Paulo Cardoso

Conheça o signo que está posicionado na linha do horizonte no momento do seu nascimento e que influencia a sua individualidade.

Compatibilidade amorosa

por Paulo Cardoso

É compatível com o seu parceiro? Descubra já!