1 a 31 de Março de 2017

Arcanum conselheiro VIII A Força
Código da Alma - O mês ser-lhe-á favorável a novos rumos e a retomar o controle da sua vida
pondo fim a projetos que ficaram diluídos ao longo do ano que estamos a findar. Aproveite o
impulso positivo com conta peso e medida para não cair em comportamentos que possam roçar
a tirania.
Desejo-lhe um novo ano astrológico muito iluminado

2017

Arcanum conselheiro II O Enigma
Arcanum evolutivo VI Os Gémeos
O Ano trar-lhe-á muita inquietação e decisões difíceis a tomar, porém a energia enigmática
do arcanum conselheiro inspirá-lo-á a resolver profundamente questões complexas, sentindo-se
inclinado a penetrar além da camada superficial da realidade e a atingir o âmago da verdade
onde permanece a fonte de todo o conhecimento.
Ao longo do ano é aconselhável empregar toda essa energia para analisar, esmiuçar e por à prova
tudo o que gravitar o seu universo afetivo.
No plano material, voltar-se-à para questões maiores, levando-o a pensar mais nos seus planos
genéricos de modo a garantir o seu futuro mesmo que à la longue. Cumprir só as exigências do
dia a dia não lhe dará satisfação e tentará a todo o custo entender o modo como elas se encaixam
num padrão mais abrangente.
Financeiramente, não será de todo um ano brilhante, contudo favorece discussões contratuais e
tudo o que se relacione com trâmites legais.
Na saúde, para libertar tensões pratique um desporto de acordo com a sua estrutura física, este
ano o seu calcanhar de Aquiles é o sistema muscular.
“ Não percam as pequenas alegrias enquanto aguardam a grande felicidade “
Pearl Pearl S. Buck
Desejo-lhe um ano muito iluminado

Análise Geral para 2017/2018

Eis que a passos largos caminhamos para o fim de mais um ano astrológico, um ano, que sem
deixar de ser importante seguramente não deixará a mais pálida saudade.
Para não insistir na tecla do mais do mesmo, prefiro dizer que 2017/18 assim como os anos
sucedentes, serão o percurso da divina decadência até 2052. Saturno ditará as regras
para preparar a renovação, até lá o Mundo civilizacional continuará cego e surdo, isento de
bom senso e oco de compaixão. Espera-nos a ditadura do sem rei nem roque, ou a teoria de
Giuseppe Lampedusa “ mudar para ficar tudo na mesma “.
As cidades estão a virar pedra sobre pedra, os mares cemitérios, o respeito pela
Mãe natureza é um valor inexistente, o aquecimento do Ártico ronda os cinquenta por cento
e a desflorestação das zonas tropicais evolui meteoricamente, logo os eventos climatéricos
extraordinários estão para durar.
A espiritualidade virou vulgaridade, os consultantes, cada vez mais procuram soluções milagrosas,
sobrenaturais e sobretudo imediatas. É a lei da evolução oca, muitas vezes sustentada por quem
está deste lado, ou seja: dos call centers com consultas a dez mil reis de mel coado, e onde se diz
não importa o quê, ao louro José das manhãs televisivas, venha o diabo, que seguramente, terá
dificuldade em escolher.
Ainda na espiritualidade, será necessário uma nova consciência, um novo olhar, evoluir
nesse sentido tudo bem, mas é aqui na terra que existem problemas graves por resolver, e já, antes
que seja tarde demais. O planeta terra é a única casa que temos.
Não será demais relembrar que é no equilíbrio que reside a fonte de toda a sabedoria.
Estamos a atingir o limite de tudo o que gravita o universo da razoabilidade; o ser humano,
lamentavelmente perdeu a única coisa que jamais deveria perder: O Escrúpulo.
É o escrúpulo que segura a mão do abandalhamento.

Para todos, um ano muito iluminado.

Dario Montoya

Saiba qual é o seu signo ascendente

por Paulo Cardoso

Conheça o signo que está posicionado na linha do horizonte no momento do seu nascimento e que influencia a sua individualidade.

Compatibilidade amorosa

por Paulo Cardoso

É compatível com o seu parceiro? Descubra já!