Amuletos da sorte

Quem traz consigo um objeto de proteção poderá evitar muitos dissabores na vida. Os amuletos ajudam a afastar o azar e guardam-na de tormentos inesperados

A origem dos amuletos
Orindo do latim “amuletum”, que significa objeto que deve ser utilizado para defesa, o amuleto sorte foi registado pela primeira vez, com essa finalidade, pelo naturalista e filósofo romano, Plínio – O velho, no ano de 79 d.C. Segundo ele, existem três categorias deste tipo de objeto: aquele que oferece proteção contra as más energias, o que contém substâncias curativas e aqueles que devem ser usados como remédios.

Trevo de Quatro Folhas
Por ser difícil encontrar esta planta com quatro folhas, acredita-se que dá sorte a quem a encontra. Para afastar todo o azar da sua vida com este amuleto deve usá-lo dentro da sua carteira, devidamente plastificado, de forma a que não se deteriore e de maneira a que atraia mais dinheiro para a sua vida. Cada uma das suas folhas tem um significado especial: glória, fortuna, amor sem traição e saúde.

Cegonha
Juntamente com sal grosso, este amuleto, que simboliza o nascimento, protege todas as mulheres na hora do parto.
Mão de Fátima. De origem islâmica, este amuleto atrai a boa sorte e protege contra problemas de saúde, trazendo também muita harmonia para o lar. Cada um dos cinco dedos estendidos representa uma virtude: fé, caridade, jejum, oração e peregrinação.

Flor-de-Lis
Este amuleto atrai para a sua vida muita pureza de espírito, ilumina os seus caminhos e ajuda a atingir a perfeição.

Nó Místico
Como simboliza a união cósmica que existe entre tudo, transmite para a sua vida muita paz a nível familiar e amoroso.

Figa
Na Roma antiga, este amuleto era usado para estimular a fertilidade e o erotismo. Hoje em dia acredita-se que a figa ajuda afastar o mau-olhado e atrai a sorte para a sua vida. No caso da sua figa desaparecer, não tente encontrá-la, pois isso quer dizer que ela já estava carregada com más energias e devia sair imediatamente da sua vida.

O que procura?

Comentários