A Primavera é sempre que escolhemos

Chegou o tempo da Primavera e com ela aquela maravilhosa sensação de recomeço, de esperança e de optimismo.

Diz a Sabedoria Antiga que o que está dentro é igual ao que está fora e o que está em cima é igual ao que está em baixo.

Levando então a sugestão um pouco à letra vamos ver então como a Natureza à nossa volta nos está constantemente a inspirar e a convidar a viver de uma maneira mais bela, equilibrada e serena.

A Natureza está cheia de pistas, sinais e mensagens que se estivermos atentos, nos lembram como lidar com as nossas questões e desafios de maneiras positivas.

Seja o nosso mundo interior, os nossos sonhos, medos, anseios e alegrias, seja o mundo exterior do nosso dia a dia, da família, do trabalho e dos amigos, todos estão cheios de situações que nos pedem diferentes atitudes. Eu acredito que a Mãe Natureza nos pode inspirar... Vamos ver como:

Em primeiro lugar, ela lembra-nos que nada é estático e que o movimento é uma constante. Movimento esse que tanto pode ser suave, morno e agradável como pode ser violento, agressivo e até doloroso. Para a Natureza, tudo são experiências e maneiras diferentes de expressar os quatro elementos da Terra, do Fogo, do Ar e da Água. Logo tanto faz parte a experiência do mais quente dos fogos, como da mais gélida paisagem como ainda da mais equilibrada, paradisíaca e perfeita aos nossos sentidos, praia tropical. Fazendo a analogia, temos assim experiências ou relacionamentos difíceis, dolorosos e intensos, temos outros que congelaram algures no tempo à espera que algo derreta o gelo existente e temos outros que são os nossos portos de abrigo e onde nos sentimos protegidos e relaxados tal como na praia tropical.

Leia mais na próxima página

O que procura?

Comentários