O que é a fé ou Deus para ti?

A minha humilde e pessoal noção de fé e de Deus, a que há muito me faz sentido e que me deu respostas que me confortam até hoje, aquela que inclusive escrevi no meu livro “Regressão a vidas passadas”, é simples, como afinal toda a sabedoria verdadeira acaba por se revelar.

O que é a fé ou Deus para ti?

- Fé é ter uma atitude positiva e esperar os melhores resultados.
- Deus é bom e ouve os meus pedidos.
- Fé é confiar que os meus desejos se vão realizar com a ajuda de Deus.
- Deus é um ser caprichoso e julgador capaz de me punir pelos meus pecados.
- Fé é acreditar que se formos bonzinhos, Deus nos protege.
- Fé é acreditar em Deus.
- Não acredito em Deus.
- Fé é seguir os mandamentos da igreja.
- Deus é uma energia inteligente que faz atrair a cada um energias que precisamos para evoluir.

Então afinal qual é o conceito mais verdadeiro ou correcto? Não tenho jamais a pretensão de passar verdades mas apenas a verdade que me faz mais sentido, a qual tenho tido a enorme alegria de ver fazer eco com todos os que me acompanham e lêem.

Todas as respostas acima foram dadas à pergunta;

-O que é a fé ou Deus para ti?

Tenho reparado que as respostas não só são variáveis como chegam a ser contraditórias. Por exemplo, acreditamos que Deus é amor e luz mas depois temos medo do inferno.
Fomos acostumados a ligar o conceito de fé a Deus sem antes fazer uma mais detalhada análise tanto interior e intuitiva como exterior e histórica do que é afinal Deus e o que é o conceito de fé.

Deus é a energia em que vivemos mas também a de que somos feitos. Tal como a molécula que encontramos na composição da água mas também nas células do peixe. É um pouco como a água onde o peixe nada que lhe é essencial mas que lhe é invisível. Tal como a água tem a sua composição química, matemática e biologicamente calculada, também a energia em que vivemos é inteligente, é regida por leis e sabedoria própria baseada no amor. Amor esse que se expressa pela infinita quantidade de individualizações manifestadas na matéria. Seja cada ser humano, cada animal, cada representação da natureza não só na terra mas em todo o Cosmos como por exemplo nos planetas e nas estrelas, é uma peça do imenso puzzle que é Deus.

É também uma energia magneticamente inteligente que tráz a cada um de nós as experiências e eventos que nos irão permitir sentir num Micro nível, o poder, o amor e o equilíbrio do Macro.

Acredito que foi isso que Jesus quis dizer quando afirmou;

– Vós sois Deuses.

Não acredito num ser que dita sim a uns e não a outros e muito menos que se gere por leis humanas e egoístas de superioridade, vingança e competição. Antes pelo contrario. É uma energia humanitária que age pelo bem e pelo amor próprio tanto do ser individual como pelo constante equilíbrio global e desse ponto de vista tanto os sucessos como as perdas são apenas propostas de equilíbrio e a que todos estamos sujeitos de maneira exactamente igual.

Deus não é um ser manipulador e muito menos manipulável que nos exige seja o que for ou que se vende por favores, preces ou sacrifícios. Pessoalmente acredito que Deus, como uma energia que é, está para além de tudo isso.

É uma onda energética e magnética que comunica por frequências vibratórias, das mais leves às mais densas, e que nos faz atrair as frequências opostas às nossas para que o equilíbrio aconteça. E visto que a nossa história energética não começou na vida presente, na maior parte das vezes não temos noção nenhuma das energias que vivem abafadas em nós desde antes do nascimento presente.

Já diziam os Mestres Taoistas que o Universo se divide nas energias Yin e Yang e que Deus é a harmonia das mesmas.

Veja na próxima página a continuação do artigo

O que procura?

Comentários