Balança

Adrian Duncan apresenta as suas previsões anuais

No início de 2015 o seu humor vai melhorar, à medida que as pressões que têm minado a sua confiança e auto estima nos últimos dois anos começam a ceder. Pode ter havido frustrações acerca de vencimentos limitados por exemplo, ou constrangimentos financeiros a nível familiar. Agora está ansioso por novos desafios que passam por ampliar a diversidade dos seus talentos através da educação ou estudos.

Apesar de tudo, pode haver circunstâncias especiais em meados de Julho até ao início de Agosto, quando regressam desafios que já teve no ano passado. Estes estão relacionados com desenvolvimentos muito felizes a nível social e entre colegas, mas a sua limitação económica pode afetar a capacidade de se envolver em algo grande. Há uma ligação do passado, que parece trazer esperança e responsabilidade em igual medida. É como se houvesse uma grande oportunidade que se torna frustrante no início de Agosto, mas é resolvida no início de Setembro – altura em que também regressa a uma relação apaixonada com um amigo.

Setembro é provavelmente o mês mais emocionante para si, e uma ótima altura para se envolver com um grupo criativo, e talvez alargar os seus horizontes através de viagens. Pode ter vontade de voltar para trás e fazer algo que já fez antes, ou reencontrar-se com alguém com quem já teve uma forte ligação. O que pode relembrá-lo de eventos que remontam a 2007 ou ao Verão de 1999. Conte com desenvolvimentos…o início de Novembro vai mostrar-lhe como tudo se vai resolver.

Na segunda metade de 2015 começa a ganhar força um maior interesse na sua vida interior, na sua saúde espiritual e no prazer da reclusão. Outubro e início de Novembro vai ser um excelente período a este respeito, e se puder fazer uma pausa para férias de saúde ou meditação, vai ter benefícios incríveis. É uma altura em que não para de sonhar, sobre amor também. Em meados de Novembro você está no seu elemento, tudo está bem e sob controlo. Tradução do Projecto Alexandra Solnado – Terapia da Alma

www.alexandrasolnado.com

artigo do parceiro: Adrian Duncan

Comentários