Masochic

Como interpretar a tendência do sadomasoquismo de uma forma muito sensual...

O sadomasoquismo está a tomar conta da linguagem e do imaginário sexual da população, sobretudo de jovens adultos. A tendência para causar dor ao parceiro sexual ou ser maltratado por ele é a perversão mais frequente, e as suas duas formas, ativa e passiva, foram denominadas por Kraft-Ebing, como sadismo e masoquismo. Estas duas formas de parafilia foram batizadas, a partir dos seus dois mais importantes ideólogos, o francês Marquês de Sade e pelo Barão austríaco Leopold von Sacher-Masoch.

E hoje em dia está moda sobretudo por causa de influências como o fenómeno literário "As Cinquenta Sombras de Grey", ou videoclipes de Rihanna, "S&M" ou "Disturbia", de Lady Gaga, entre outros. Também são várias as revistas de moda que costumam fazer editoriais sob este tema. Em Inglaterra até se tornou chique frequentar sessões de sadomasoquismo. Ter uma "dominadora" passou a ser tão vulgar como ter uma massagista. Por 140 euros à hora pode escolher uma dominadora de acordo com a sua preferência...

As razões de procura podem ser as mais diversas, desde pessoas que querem castigar-se por algo que fizeram, para aliviar o stresse, apenas por fantasia, para fugir à rotina, maridos cujas mulheres fazem dominação e querem aprender novas práticas, etc..E nós, em Portugal? será que vamos aderir? Veja uma galeria e inspire-se nos seus looks para aderir a esta tendência de uma forma bem sexy!


artigo do parceiro:

Comentários