Aumente a sua libido em apenas uma semana com este plano infalível

A rotina, o trabalho e os aborrecimentos do dia a dia fazem apagar a chama. Combata os inimigos do desejo sexual com uma estratégia que se implementa, facilmente, em apenas sete dias.

A rotina, a chegada dos filhos, o trabalho, os problemas de dinheiro e os imprevistos e os aborrecimentos do dia a dia podem desligar o botão do desejo. Até a intimidade pode ser uma verdadeira armadilha para a libido. Quando há um excesso de confiança, há o risco do outro passar a ser um dado adquirido e de o casal deixar de investir na relação. A sexóloga Vânia Beliz propõe um plano de sete dias a seguir.

Um plano, também já apresentado na edição impressa da revista Saber Viver, que o vai ajudar a recuperar o desejo e a vontade de voltar a desfrutar do sexo em toda a sua plenitude. Estas são as ações a empreender em cada um dos dias:

Dia 1: Reflita

Identifique os problemas e possíveis soluções. Explore as suas zonas de prazer. Conheça-se para depois indicar o caminho.

Dia 2: Transforme-se

Reveja o seu guarda-roupa, a lingerie, faça a depilação, maquilhe-se… Imagine-se irresistível! Se estiver em sintonia com o seu corpo, vai estar mais disponível. Isto resulta tanto para homens como para mulheres.

Dia 3: Fantasie

Arranje tempo para pensar sobre sexo. Pense numa fantasia, imagine uma posição… Depois mostre ao seu parceiro o que descobriu!

Dia 4: Brinque

Reserve um momento do dia para brincar sozinha ou a dois. Use as suas mãos ou um brinquedo. Pode optar por um só para si ou adquirir um que possa ser partilhado.

Dia 5: Namore

Tire o dia ou reserve parte dele para um programa especial. Não se esqueça que um dia já foi assim. Porquê deixar arrefecer a chama?

Dia 6: Surpreenda

Surpreenda o seu companheiro com um convite ousado e concretize-o. Se esperar pelo dia certo, nunca vai acontecer…

Dia 7: Entregue-se

Liberte todos os seus desejos mais íntimos, diga exatamente o que quer e como gosta, tome a iniciativa… Reclame o seu prazer! Para se inspirar, pode adotar algumas das posições sexuais que lhe propomos de seguida.

Texto: Alexandra Oliveira com Vânia Beliz (sexóloga)

artigo do parceiro:

Comentários